PT

    Horizonte 2020: Projeto-piloto do CEI irá disponibilizar €173,4 milhões para inovações

    INOVA+

    No âmbito do projeto-piloto do Conselho Europeu da Inovação (CEI), a Comissão Europeia irá apoiar 283 projetos inovadores e acelerar a sua entrada no mercado.

    278 pequenas e médias empresas (PME) de 27 países foram selecionadas para receber financiamento na última ronda do Instrumento PME. As empresas receberão um montante total de €129 milhões na Fase 2 e €10 milhões na Fase 1 ao abrigo do programa de pesquisa e inovação da UE, Horizonte 2020. Para além disso, 15 projetos de 16 países selecionados na última ronda do Processo Acelerado para a Inovação irão receber €34,4 milhões.

    Na chamada Fase 2 do Instrumento PME, os projetos (68 no total) podem receber entre €0,5 e €2,5 milhões para financiar atividades inovadoras, como demonstrações, testes e pilotos. As empresas poderão ainda beneficiar de 12 dias de serviços gratuitos de formação e aceleração de negócios. As PME espanholas e israelitas foram as mais bem-sucedidas nesta Fase, com 9 empresas selecionadas para financiamento, seguidas da Noruega e França (8) e Dinamarca e Alemanha (7). A maioria das empresas selecionadas insere-se nas áreas das TIC, Saúde e Engenharia.

    Quanto às empresas apoiadas na Fase 1 do Instrumento PME, cada projeto (200 no total) receberá €50 mil euros para elaborar um plano de negócios. Estas empresas receberão igualmente serviços gratuitos de formação e aceleração de negócios. Nesta Fase, as empresas espanholas foram particularmente bem-sucedidas (32), seguidas da Suiça e Israel (21) e Itália (20).

    Quatro projetos inovadores portugueses foram distinguidos pela Comissão Europeia no âmbito do Instrumento PME: Loqr (Braga), ClarifyLupus (Évora), Spartwise (Ramada) e Vectrack.

    Na última ronda do Processo Acelerado para a Inovação, 15 projetos inovadores receberão cerca de €2 milhões cada. Este processo é dirigido a tecnologias, conceitos e modelos de negócio próximos do mercado. As PME participantes também terão acesso a serviços gratuitos de formação e aceleração de negócios.

    Até à data, o CEI já apoiou um total de 1276 projetos com mais de €730 milhões em financiamento.

    O Instrumento PME e o Processo Acelerado para a Inovação são hoje uma parte central do projeto-piloto CEI, focado em produtos, serviços, processos e modelos de negócio inovadores. Até 2020, o CEI pretende disponibilizar €2,7 mil milhões para inovações disruptivas criadoras de novos mercados, ao abrigo do programa Horizonte 2020.