PT

    O modelo YEIP para a prevenção da radicalização está a ser testado a nível nacional

    INOVA+

    O projeto YEIP foi criado em resposta a uma necessidade urgente de desenvolvimento de políticas eficazes para melhorar a inclusão social dos jovens e minimizar o risco de marginalização e radicalização. Esta iniciativa cofinanciada pelo programa ERASMUS+ da Comissão Europeia, visa o desenvolvimento e teste de um modelo e de diferentes recursos, com base em abordagens positivas, participadas ou lideradas pelos jovens e focadas nos talentos e pontos fortes.

    Os resultados da pesquisa e trabalho de campo nos vários países que constituem a parceria (Reino Unido, Grécia, Itália, Chipre, Portugal, Suécia e Roménia), recolhidos e analisados por jovens investigadores formados para liderarem a implementação da metodologia, deram origem a relatórios nacionais (disponíveis brevemente no site do projeto). As recomendações dos jovens foram integradas no modelo e recursos para a prevenção que se encontram neste momento a ser testados em diferentes contextos: escolas, universidades, prisões e centros educativos e online.

    Em Portugal, o teste decorre em contexto escolar e prevê três etapas:

    1. Pré-intervenção:

    – Constituição do grupo experimental e do grupo de controlo

    – Preenchimento do questionário pré-intervenção pelos professores e alunos dos dois grupos

    1. Intervenção

    – Realização de uma sessão de formação com os professores do grupo experimental

    – Acompanhamento dos dois grupos durante o período de observação

    1. Pós-intervenção

    – Preenchimento do questionário pós-intervenção pelos professores e alunos dos dois grupos

    – Análise dos resultados e desenvolvimento do relatório nacional

    No passado dia 15 de abril foi realizada, em Lisboa, uma sessão de formação intensa e muito produtiva com professores de diferentes estabelecimentos de ensino. A INOVA+ agradece o apoio da Escola Profissional Almirante Reis na organização do evento e a todos os participantes pela sua disponibilidade em colaborarem com o projeto YEIP.